Verbos

Verbos

Características dos verbos regulares e irregulares

Jorge Viana de Moraes*
Especial para a Página 3 Pedagogia & Comunicação
Quanto à flexão, os verbos são classificados em: regular, irregular, defectivo e abundante. Neste texto, abordaremos apenas as duas primeiras classificações, ou seja, a regular e a irregular.

Os chamados verbos regulares são aqueles que se flexionam seguindo o modelo que representa o tipo comum de conjugação, isto é, o paradigma.

Tomemos como exemplo os verbos cantar, vender e partir como paradigmas da 1ª, 2ª e 3ª conjugação, respectivamente. Eles são verbos regulares porque o radical de cada um deles se mantém em todas as formas do paradigma, além de suas terminações seguirem o modelo da conjugação a que pertencem.

Já os verbos irregulares são aqueles que, em algumas formas, apresentam modificações no radical ou na flexão, afastando-se, assim, do modelo da conjugação a que pertencem.

Infinitivo Terminação Radical
cantar -ar cant-
vender -er vend-
partir ir part

Nota-se, a partir dos exemplos abaixo, que todos os verbos regulares da 1ª conjugação formam os seus tempos como cantar; os da 2ª, como vender; e os da 3ª, como partir.

Verbo Copiar (1ª Conjugação)
Modo Indicativo
Presente Eu copio, Tu copias, Ele copia, Nós copiamos, Vós copiais, Eles copiam.
Pretérito Imperfeito Copiava, copiavas, copiava, copiávamos, copiáveis, copiavam.
Pretérito Perfeito Copiei, copiaste, copiou, copiamos, copiastes, copiaram.
Mais-que-perfeito Copiara, copiaras, copiara, copiáramos, copiáreis, copiaram.
Futuro do Presente Copiarei, copiarás, copiará, copiaremos, copiareis, copiarão.
Futuro do Pretérito Copiaria, copiarias, copiaria, copiaríamos, copiaríeis, copiariam.
Modo Subjuntivo
Presente Copie, copies, copie, copiemos, copieis, copiem.
Imperfeito Copiasse, copiasses, copiasse, copiássemos, copiásseis, copiassem.
Futuro Copiar, copiares, copiar, copiarmos, copiardes, copiarem.
Modo Imperativo
Afirmativo Copia, copie, copiemos, copiai, copiem.
Negativo Não copies, não copie, não copiemos, não copieis, não copiem.
Formas Nominais
Infinitivo impessoal Copiar.
Infinitivo pessoal Copiar, copiares, copiar, copiarmos, copiardes, copiarem.
Gerúndio Copiando.
Particípio Copiado.

Verbo Vencer (2ª Conjugação)
Modo Indicativo
Presente Eu venço, Tu vences, Ele vence, Nós vencemos, Vós venceis, Eles vencem.
Pretérito Imperfeito Vencia, vencias, vencia, vencíamos, vencíeis, venciam.
Pretérito Perfeito Venci, venceste, venceu, vencemos, vencestes, venceram.
Mais-que-perfeito Vencera, venceras, vencera, vencêramos, vencêreis, venceram.
Futuro do Presente Vencerei, vencerás, vencerá, venceremos, vencereis, vencerão.
Futuro do Pretérito Venceria, vencerias, venceria, venceríamos, venceríeis, venceriam.
Modo Subjuntivo
Presente Vença, venças, vença, vençamos, vençais, vençam.
Imperfeito Vencesse, vencesses, vencesse, vencêssemos, vencêsseis, vencessem..
Futuro Vencer, venceres, vencer, vencermos, vencerdes, vencerem.
Modo Imperativo
Afirmativo Vence, vença, vençamos, vencei, vençam.
Negativo Não venças, não vença, não vençamos, não vençais, não vençam.
Formas Nominais
Infinitivo impessoal Vencer.
Infinitivo pessoal Vencer, venceres, vencer, vencermos, vencerdes, vencerem.
Gerúndio Vencendo.
Particípio Vencido.

Verbo Distinguir (3ª Conjugação)
Modo Indicativo
Presente Eu distingo, Tu distingues, Ele distingue, Nós distinguimos, Vós distinguis, Eles distinguem.
Pretérito Imperfeito Distinguia, distinguias, distinguia, distinguíamos, distinguíeis, distinguiam.
Pretérito Perfeito Distingui, distinguiste, distinguiu, distinguimos, distinguistes, distinguiram.
Mais-que-perfeito Distinguira, distinguiras, distinguira, distinguíramos, distinguíreis, distinguiram.
Futuro do Presente Distinguirei, distinguirás, distinguirá, distinguiremos, distinguireis, distinguirão.
Futuro do Pretérito Distinguiria, distinguirias, distinguiria, distinguiríamos, distinguiríeis, distinguiriam.
Modo Subjuntivo
Presente Distinga, distingas, distinga, distingamos, distingais, distingam.
Imperfeito Distinguisse, distinguisses, distinguisse, distinguíssemos, distinguísseis, distinguissem.
Futuro Distinguir, distinguires, distinguir, distinguirmos, distinguirdes, distinguirem.
Modo Imperativo
Afirmativo Distingue, distinga, distingamos, distingui, distingam.
Negativo Não distingas, não distinga, não distingamos, não distingais, não distingam.
Formas Nominais
Infinitivo impessoal Distinguir.
Infinitivo pessoal Distinguir, distinguires, distinguir, distinguirmos, distinguirdes, distinguirem.
Gerúndio Distinguindo.
Particípio Distinguido.

Quando se diz que os verbos regulares mantêm o mesmo radical em todas as formas não significa que ele não possa apresentar alterações gráficas. Sobre esse aspecto, Celso Cunha e Lindley Cintra (em Nova Gramática do Português Contemporâneo, Editora Nova Fronteira) chamam a atenção no sentido de não se confundir irregularidade verbal com certas discordâncias gráficas que aparecem em formas do mesmo verbo e que visam apenas a indicar-lhes a uniformidade de pronúncia dentro das convenções do nosso sistema de escrita.

Assim, de acordo com esses mesmos autores, os verbos da 1ª conjugação cujos radicais terminem em -c e -g mudam tais letras, respectivamente, em -qu-c e -gusempre que se lhes segue um -e:
ficar – fiquei
justiçar – justicei
chegar – cheguei

Já os verbos da 2ª e da 3ª conjugação cujos radicais terminem em -c-g e -gu mudam tais letras, respectivamente, em -j e -g sempre que se lhes segue um -o ou um -a. É o que se dá com o verbo vencer, apresentado acima como exemplo da segunda conjugação (vencer – venço – vença), e o verbo distinguir, apresentado como exemplo da terceira conjugação (distinguir – distingo – distinga) além de outros, como abaixo se vê:
tanger – tanjo – tanja
erguer – ergo – erga
restringir – restrinjo – restrinja

Verbos irregulares

Como já se disse, os verbos irregulares se afastam do paradigma, apresentando alterações ou no radical ou na flexão:
a) variação no radical em comparação com o infinitivo: ouvir – ouço; dizer – digo; perder – perco; caber – caibo;
b) variação na flexão: estou – estás.

Cunha e Cintra nos apresentam uma descrição mais detida, por exemplo, da 1ª pessoa do PRESENTE DO INDICATIVO dos verbos dar e medir. Vejamos mais uma vez as observações desses autores:

a) a forma dou não recebe a desinência normal -o da referida pessoa;
b) a forma meço apresenta o radical meç-, distinto do radical med- que aparece no INFINITIVO e em outras formas do verbo: med-irmed-esmed-imed-ira, etc. Sendo assim, os verbos dar e medir são verbos irregulares.

No entanto, se examinarmos o PRETÉRITO IMPERFEITO DO INDICATIVO dos verbos em questão, como nos orientam os referidos autores, observaremos que as formas:

a) davadavasdavadávamosdáveisdavam se enquadram no paradigma dos verbos regulares da 1ª conjugação; e
b) mediamediasmediamedíamosmedíeismediam, por sua vez, incorporam-se ao paradigma dos verbos regulares da 3ª conjugação.

Desta forma, conclui-se que num verbo irregular podem ocorrer determinadas formas perfeitamente regulares.

Descrição desse tipo foi o que, certamente, levou Joaquim Mattoso Câmara Jr. (emEstrutura da Língua Portuguesa, Editora Vozes) à seguinte constatação: “o que nossas gramáticas alinham, em ordem alfabética, como ‘verbos irregulares’, deve ser entendido como um desvio do padrão geral morfológico, que não deixa de ser ‘regular’, no sentido de que é suscetível a uma padronização também”.

A partir dessas observações, apesar de tradicionalmente classificarmos alguns verbos como irregulares, é necessário que se façam deles uma descrição mais detalhada, para que, assim, possamos ter um melhor conhecimento da sistematicidade da língua. Fica a reflexão.

*Jorge Viana de Moraes é professor universitário em cursos de graduação e pós-graduação na área de Letras. Atualmente, mestrando em Língua Portuguesa e Filologia pela Universidade de São Paulo.

Deja un comentario

Archivado bajo curso de Portugues, verbos

Responder

Introduce tus datos o haz clic en un icono para iniciar sesión:

Logo de WordPress.com

Estás comentando usando tu cuenta de WordPress.com. Cerrar sesión / Cambiar )

Imagen de Twitter

Estás comentando usando tu cuenta de Twitter. Cerrar sesión / Cambiar )

Foto de Facebook

Estás comentando usando tu cuenta de Facebook. Cerrar sesión / Cambiar )

Google+ photo

Estás comentando usando tu cuenta de Google+. Cerrar sesión / Cambiar )

Conectando a %s